Queridos serviços

Vou falhar mais uma vez no meu comprometimento de não citar experiências pessoais.

Eu acho que seria somente mais um no meio da multidão a reclamar da prestação de serviços de nossas companhias de telefonia. Não preciso nem citar aqui como nós somos tratados quando precisamos solicitar algo. Quem diria quando queremos fazer uma reclamação. Se você liga para a Anatel, até tem um retorno. Mas você precisa do tal número do protocolo registrado na operadora. Aí eu pergunto: em quanto tempo você consegue registrar uma reclamação com sua prestadora de serviços de telefonia fixa/móvel ou internet?

Estava querendo comprar o Oi Velox (no caso acabei assinando o plano Oi Conta Total – telefonia fica + telefonia móvel + internet) há um tempo. Pedi, antes de efetuar a compra, que fossem efetuadas verificações técnicas para verificar se meu link de conexão suportaria 1Mbps de conexão, pois esse era o meu maior interesse e, em caso contrário, não seria interessante assinar o plano. Claro que eles diriam que suporta né? Não aumentaram minha velocidade para 1Mbps. O pior é que eu, com o próprio atendimento deles, mostrava a inconsistência no sistema. Eu recebia 600kbps, enquanto no sistema constava que eu só poderia receber 300! Claro que o sistema tá errado! Diversas solicitações e verificações técnicas foram feitas e nada de aumentarem. Pedi para cancelarem tudo (fixo, móvel, internet). Imaginou a dor de cabeça né?

Mas vamos lá. Dia desses passeando na internet, entrei no site da Telefonica por curiosidade. Queria saber quanto eram os planos de internet lá pelo sudeste. Daí me deparei que, por ordem da Anatel, a comercialização da barda larga deles, o Speedy, estava temporariamente suspenso. Me dava alegria ver a frustração de uma empresa “grande” (grande em quantidade de dinheiro, pois pra mim grandeza não significa seriedade de forma alguma) sendo inibida por um órgão para que pudesse prestar um serviço decente a seus clientes. Já é uma iniciativa, pensei. Claro. Se hoje a Telefonica seria a pior, amanhã poderia ser outra e aí a Anatel também poderia tomar uma medida semelhante. Até que achei a notícia relatando o fato no G1.

A medida que eu lia, me sentia satisfeito. Via a atitude sendo tomada por alguém que está ao nosso lado. Será? “As determinações da Anatel foram motivadas pelas reclamações de clientes do Speedy, que recentemente enfrentaram instabilidade. Em setembro do ano passado, um “apagão” no serviço afetou usuários domésticos, além da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, o Detran, a Receita Federal e delegacias de São Paulo.

Aí sou tomado pela frustração mais uma vez. Por favor, me corrija se eu estiver errado. Mas precisou que a atitude fosse tomada depois que o “calo” fosse causado no pé de alguém que realmente tivesse poder. Tudo bem que a situação ocorreu em setembro do ano passado, mas a contínua má prestação de serviços dessa operadora chegaram ao limite. A diferença são os clientes. Olha lá quem são as “crianças”.

Óbvio, eu não sei quem são os clientes de outras operadoras. Mas duvido sinceramente que se a Oi Velox (ou qualquer outra) causasse um prejuízo a quem “não deveria causar”, as medidas cabíveis não seriam tomadas. Deixa a internet dar uma falha lá no Senado Federal. Eu só queria que fosse da mesma prestadora que sou cliente. Não teria coisa melhor no mundo em termos de conectividade para mim.

A onda agora é 3g, né? Quantos de vocês, clientes desta tecnologia, já viram, no momento da compra, uma demonstração do vendedor do uso da tecnologia. Eu mesmo comprei em um shopping da cidade o modem em duas operadoras diferentes. Uma das lojas era até grande; a outra era quisque. Nenhuma das duas tinha UMA máquina sequer com uma conexão de seus próprios produtos. Só daí você já deve imaginar o quão bom é o serviço. Agora até eu sei o quanto é bom. Imagina agora ligar pro tele atendimento reclamando de sua conectividade.

A prestação de serviços neste país é uma “maravilha”, seja ele público ou privado. Desculpe a você, trabalhador decente. Para toda regra, há exceção e você é uma delas. Desculpe se sou rigoroso, mas deste país só se salvam minha família e meus amigos.

Anúncios